Imponente Mercado de São Brás pede SOS


Tombado pelo patrimônio histórico municipal e estadual em 1982, o Mercado de São Brás, administrado pela Prefeitura de Belém, através da Secretaria de Economia – Secon, sofre com a má conservação por parte do poder público. Os sinais de deterioração do espaço são evidentes, como goteiras, infiltrações nas paredes e acúmulo de lixo em algumas partes do mercado. As reclamações dos feirantes são inúmeras.

Erguido durante época áurea do ciclo da borracha amazônica – Belle Époque , o imponente prédio vai completar 105 anos em maio. Em 2013 chegou a ser revitalizado, mas, sua última grande reforma ocorreu em 2010.


Como deputado, vou protocolar uma moção na Assembleia Legislativa, pedindo providências à prefeitura de Belém para a imediata recuperação do prédio.




Comentários