Projeto de reforma do Ver-o-Peso é alvo de protesto de feirantes

Trabalhadores do Mercado do Ver-o-Peso realizaram um ato público ontem para discutir a mobilização da categoria sobre a reforma da feira, anunciada pela prefeitura de Belém.

Segundo reportagem publicada no jornal Diário do Pará, os feirantes criticaram o modo como o projeto foi realizado e afirmaram que irão se organizar para alterá-lo.

De fato, causa estranheza o custo anunciado, de R$34 millhões, visto que a obra anterior de requalificação, levada a efeito no governo de Edmilson Rodrigues, então no PT, refez o sistema hidráulico, sistema de drenagem e pisos em todo o complexo, componentes mais caros.

Além disso, o Mercado de Peixe, com sua estrutura de ferro, foi recentemente restaurado pelo IPHAN com recursos do governo federal. Por fim, como ficam os feirantes durante a obra? Muitas perguntas à serem respondidas.

Vou apresentar no reinício dos trabalhos na Alepa, em fevereiro, requerimento solicitando Sessão Especial para apreciar o projeto de reforma do Ver-o-Peso, tanto por envolver vultoso repasse de recursos do erário estadual, como por ser o complexo patrimônio do povo paraense. Todos queremos o nosso Ver-o-Peso em condições adequadas, principalmente para os principais protagonistas que são os feirantes

Comentários