Lotéricos do Pará comemoram conquista

Os empresários lotéricos do Pará comemoraram na noite desse sábado a conquista  da lei que permite que mais de 6 mil casas lotéricas continuem operando no Brasil. A lei sancionada no dia 22 de outubro pela presidente Dilma, prorroga por mais 20 anos as outorgas de permissão lotérica celebradas antes de 15 de outubro de 2013, data em que entrou em vigor a Lei dos Lotéricos, estabelecendo um novo regime jurídico ao serviço.
A festa foi comandada pelo Sindicado dos Empresários Lotéricos do Pará, presidido por Robson Gomes da Silva, e contou com a presença do Senador Paulo Rocha, do vice-presidente da Federação dos Lotéricos, Josismar Amaro, do presidente do Sindicado de Minas gerais, Paulo César Silva, e do deputado Éder Mauro.
Quero aqui agradecer a homenagem recebida na ocasião, entregue pela empresária lotérica de Mãe do Rio, Dinha Barroso, a primeira a manter contato com nosso gabinete na Alepa. A partir daí nosso mandato esteve ao lado dos lotéricos em todos os momentos, intermediamos o encontro com o senador Paulo Rocha no dia 1° de setembro e defendemos a causa na Tribuna da Alepa. Foi uma vitória meteórica, pois um mês e 22 dias depois, a Lei estava sancionada pela presidente Dilma. Quero aqui destacar a atuação do Senador Paulo Rocha. Este companheiro foi decisivo na conquista comemorada ontem à noite.

Entenda a luta dos lotéricos

Depois que a Lei dos Lotéricos entrou em vigor, o Tribunal de Contas da União (TCU) determinou que a Caixa Econômica Federal realizasse licitação para as 6.310 agências lotéricas que funcionam no país sem licitação. 
O Sindicato dos Lotéricos do Pará alertou sobre as consequências da determinação do TCU e veio pedir apoio ao parlamento estadual. Foi aí que intermediamos a participação de Paulo Rocha na luta. A mobilização dos lotéricos e do senador paraense teve, portanto, resultados imediatos. O edital do leilão nem chegou a ser publicado, foi cancelado e os atuais permissionários continuam a operar as lotéricas sob a nova lei. 
É preciso destacar mais uma vez que a mobilização dos empresários lotéricos do Pará foi decisiva para essa conquista. A lei permitirá à Caixa manter relação com os atuais prestadores de serviços, dando continuidade a uma parceria muito importante para o Brasil. Milhões de famílias sacam nas lotéricas os benefícios do Bolsa Família. Aposentados recebem o benefício do INSS e os trabalhadores, o seguro-desemprego e o Fundo de Garantia. Parabéns aos lotéricos!

Comentários