O extermínio de jovens, pobres e negros

A bárbara cena flagrada ontem, no Morro da Providência, no Rio de Janeiro, revela o verdadeiro extermínio contra a juventude pobre e negra em curso no Brasil. Eduardo Felipe, que tinha apenas 17 anos, era pobre e negro. Infelizmente, é uma realidade nas periferias do Brasil, e o Estado do Pará figura nessa triste estatística.

O Pará, aliás, foi um dos Estados visitados pela CPI que apura a morte de jovens negros e pobres no Brasil. Fiz um pronunciamento na Audiência Pública, em 29 de junho passado, realizada no plenário da Assembleia Legislativa, onde apontei as principais causas dessa triste realidade que vivem nossos jovens.


video



Comentários