Prefeito de Mãe do Rio continua recebendo ameaças de policiais civis

Prefeito Badel
Apresentei Moção nesta quarta-feira, na Alepa, pedindo providências ao Secretário de Estado de Segurança Pública e Defesa Social - SEGUP, ao Delegado Geral da Policia Civil e ao Ministério Público do Estado para garantir a segurança e a vida do Prefeito do Município de Mãe do Rio, sr. Badel, que vem sofrendo ameaças frequentes dos policiais civis Naná e Donza.

Aliás, mais uma vez levei à Tribuna da Alepa a denúncia de “abuso de autoridade” que tem deixado à população do Município de Mãe do Rio indignada pelo excesso de poder dos Policiais.

O primeiro Policial Naná é também suplente de vereador e o segundo, Policial Donza, que depois de investido no cargo de vereador no Município de Mãe do Rio está confundindo os papéis, e vem extrapolando suas funções. Ele não sabe do horário que é vereador e que é policial civil, esta cometendo abuso de autoridade. Por divergirem ideologicamente do Prefeito Badel, eleito democraticamente pela população nas ultimas eleições para a prefeitura, os dois acima citado, vem impondo aos cidadãos e especificamente ao prefeito uma conduta de enfrentamento, com ameaças e xingamento. 

Solicitamos às autoridades imediatas providências, que investigue a conduta destes policiais e adotem medidas para restabelecer a ordem, a disciplina e o respeito na Delegacia de Polícia de Mãe do Rio.

Não pretendemos em nenhum momento desmerecer a importância do trabalho da policia, que é de grande responsabilidade e merece nosso respeito pelo valoroso trabalho que prestam a sociedade.

Mas, quando uma comunidade pensa em reagir contra má conduta praticada por policiais, um dos seus objetivos é manifestar sua revolta e sensibilizar a opinião pública para a realidade local de desrespeito, privações e humilhação, denunciando e se organizando para lutar contra aqueles que acreditam estar acima da lei e cometem as mais brutais ações contra os cidadãos.

Veja meu pronunciamento justificando a Moção apresentada.



Comentários

Anônimo disse…
Deputa, Entendo que vc. Deve deixar o discurso e passar para a ação pratica, e através de ofícios, responsabilizar o delegado geral e o secretário de segurança publica, pelo que possa vir a acontecer com o prefeito. Oficiar ainda ao ministro da justiça.
Obrigado por acessar nosso Blog. Esclareço que meu discurso em defesa do Prefeito Badel teve como base uma Moção de minha autoria, em que pede às autoridades de segurança pública do Pará, garantias de vida ao prefeito.
Já intermediei um encontro do Prefeito com a Secretaria de Segurança do Estado. Já encaminhei proposição ao governo do estado solicitando o efetivo do policiamento para Mãe do Rio e o afastamento dos policiais acusados de faz\er as ameaças. Minha ação, portando, não se limita ao discurso.