Prefeito de Mãe do Rio ameaçado de morte

Hoje, no plenário da Assembleia Legislativa, pedi providências ao Governo do Estado para investigar as ameaças sofridas pelo prefeito Badel, de Mãe do Rio.

O prefeito vem sofrendo ameaças de morte por denunciar ações criminosas no município. Já apresentamos as denúncias ao Secretário de Segurança Pública (foto) e solicitamos o aumento do contingente policial para o município.

Mas, as ameaças contra o prefeito Badel continuam e o que é pior: vêm do investigador de polícia Naná, acusado de implantar o terror entre os cidadãos e se achar acima da lei. A última ameaça foi textual, na frente de testemunhas em um posto de Combustível: "Vou matar esse prefeito vagabundo. Vou preso, mas mato esse vagabundo", ameaçou o policial.

Será que esse policial tem uma proteção que ultrapassa qualquer coisa? É uma aberração. Não gostaria de voltar à tribuna para falar de uma morte que já está anunciada. 

A situação é grave em Mãe do Rio e providências têm que ser tomadas o mais rápido possível. Com a palavra o Delegado Geral e o Secretário de Segurança Pública.

Comentários

Biankinha disse…
A polução de Mãe do Rio deve se juntar pra da um fim nesse policial vagabundo isso sim, pois Mãe do Rio tem um prefeito preocupado com o crescimento, desenvolmento e a segurança de cada um, e esta criatura q esta na policial deveria dar bons exemplos, cadê o a corregedoria da policia pra ele, prefeito Badel que Deus possa lhe protejer sempre pra q VC possa continuar no seu trabalho q esta deixando a cidade cada dia melhor...