Dilma reitera compromisso com as mulheres


A caminhada da presidenta Dilma Rousseff pelas ruas de Duque de Caxias (RJ), nesta quarta-feira (22), reforçou a luta pelos direitos das mulheres e no combate à violência. Ela declarou que continuará criando oportunidades para que as mulheres brasileiras tenham maior autonomia e qualidade de vida.

“A minha eleição afirmou o poder das mulheres brasileiras de fazer e de ser. No meu governo, as políticas sociais foram direcionadas para as mulheres”, destacou Dilma antes de participar de caminhada.

Hoje, 93% dos titulares do cartão do Bolsa Família são mulheres. Quase 70% dos imóveis da faixa 1 do Minha Casa Minha Vida – famílias com renda de até R$ 1,6 mil – estão no nome de mulheres. “As políticas que fizemos para micro e pequeno empreendedor também beneficiaram as mulheres. Mais da metade dos microempresários e microempreendedores individuais são mulheres”, apontou Dilma Rousseff.

No próximo mandato, a Casa da Mulher Brasileira será uma das principais ações do governo Dilma para a mulher vítima de violência. “O combate à violência contra a mulher tem que ser cercado de acolhimento e do reforço da autonomia da mulher”, afirmou a presidenta, destacando ainda que o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), o Programa Universidade Para Todos (Prouni) e o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) reforçam a autonomia da mulher ao oferecer acesso à Educação.

Faixa – Na caminhada em Caxias, Dilma recebeu como homenagem uma faixa de combate à violência contra as mulheres, que ela considerou “tão importante quanto a faixa presidencial”. O presente foi entregue por integrantes da escola de samba Acadêmicos do Grande Rio.

A presidenta ainda firmou compromisso de lutar por melhoria de condições de vida tanto para a baixada fluminense quanto ao resto do Brasil.
“Criamos as oportunidades para as pessoas mudar de vida e vamos continuar criando. Dia 26 está chegando. Vamos ter de lutar minuto a minuto pra que essa eleição seja a que aqueles que querem o bem do país vençam”, discursou.

Fonte: Agência PT de notícias

Comentários