Militante do PT é morto e seis ficam feridos em fazenda próxima ao município de Abel Figueiredo, no PA


Um militante ligado ao Partido dos Trabalhadores (PT) foi morto a tiros -- e seis assentados ficaram feridos, no início da noite desta segunda-feira, 22.09, num assentamento na fazenda ‘Gaúcha’, localizada no quilômetro 70 da BR 222, entre os municípios de Bom Jesus do Tocantins e Abel Figueiredo, sudeste paraense.


Segundo testemunhas, homens da prefeitura de Bom Jesus do Tocantins faziam o trabalho de terraplenagem no local utilizando tratores, para que um ônibus escolar, doado recentemente pelo governo federal, pudesse ter acesso à uma escola que fica no assentamento. Ainda segundo testemunhas, capatazes da fazenda, por intermédio do dono, teriam se dirigido até o local para retirar os tratores.

Ao tentar impedir a saída das máquinas, vários assentados foram alvejados a tiros. Seis ficaram feridos. O militante do PT Jair, que estava no momento do ocorrido, foi atingido por um tiro e morreu na hora. Já Guido, também militante do partido, segue internado em estado grave no Hospital Regional de Marabá.


Nesta terça-feira, 23.09, me pronunciarei na tribuna da Alepa sobre este triste incidente, que poderia ter virado uma chacina. Desde já me solidarizo com os familiares dos companheiros mortos e solicito à cúpula da segurança pública do Estado urgência na investigação do caso.

Comentários