“Não há dúvida de que há certa antipatia da grande imprensa brasileira com o PT”, comenta Veríssimo

Verissimo foi entrevistado por Kennedy Alencar em sua casa
(Imagem: Reprodução/Rede TV)
O jornalista e escritor Luis Fernando Veríssimo foi o entrevistado da madrugada desta segunda-feira, 12, do programa ‘É Notícia’, apresentado por Kennedy Alencar na Rede TV. Durante o encontro, ele avaliou a relação de Lula com a imprensa e disse que seria um erro o ex-presidente tentar voltar ao Palácio do Planalto.

Colunista dos jornais O Globo, Estadão e Zero Hora, Veríssimo acredita que a  imprensa tem antipatia em relação a Lula. “Não há dúvida de que há uma certa antipatia da grande imprensa brasileira com o PT, com o Lula. É bom saber que, num caso como esse [acusação de cartel no metrô de São Paulo], do PSDB, a grande imprensa está repercutindo”, disse.

Na visão do escritor, a imprensa usa dois pesos e duas medidas com PT e PSDB. “Não é só minha opinião, é opinião de muita gente que a grande imprensa brasileira pertence a empresas que têm sua ideologia, tem seus interesses e uma certa antipatia [por Lula e PT]”. Para ele, trata-se de preconceito social. “O torneiro mecânico que chega à presidência da República praticamente inculto, não fez um governo catastrófico. Houve avanços em muitos setores, desilusão em outros, mas fez, na minha opinião, melhor que o anterior”.


O jornalista avaliou, ainda, a mídia brasileira como “conservadora”, mas umas das melhores do mundo. “Pelo que conheço, do mundo todo, é uma imprensa tecnicamente muito boa”.

Fonte: Redação Comunique-se http://migre.me/fJeV6



Comentários