De volta ao batente!




Já estamos na metade do ano, mas ainda há muito o que fazer em favor do povo do Pará, como parlamentar, na Assembleia Legislativa do Estado (Alepa).

Apesar de o primeiro semestre ter sido marcado por uma crise acerca de passivos que ficaram de administrações anteriores, a Alepa não só soube lidar com esses desafios, como aprovou projetos importantíssimos para o Estado.

Um deles foi o empréstimo da ordem de dois milhões de reais, para que o governador tocasse obras e investisse no Pará. Também foi aprovado pelos parlamentares da Casa, projeto do executivo de alta relevância, como o seguro de vida para policiais civis e militares do estado. Ainda no primeiro semestre, os parlamentares foram aos municípios de Marabá e Bragança, por meio do projeto “Assembleia Itinerante”.

Da minha parte, apresentei nove projetos à Assembleia Legislativa: seis Projetos de Lei (PL), um Projeto de Resolução (PR), e dois Projetos de Decreto Legislativo (PDL). Sendo que um deles considero de total relevância para o trabalhador rural do estado: a PEC (Projeto de Emenda à Constituição) que permite a contratação, por tempo determinado, de profissionais de nível médio e superior para prestar assistência técnica e extensão rural no Pará, além do Projeto de Lei (nº 55/2012) que dispõe sobre o tempo de espera no atendimento das consultas pelos planos de saúde, no âmbito do estado do Pará.

Foi um semestre produtivo e espero que seja assim no segundo, sobretudo porque já está programada ida ao município de Santarém, oeste paraense. Vamos percorrer o estado com a Assembleia e, assim, ficar cada vez mais próximo da população.

Estarei sempre atento às questões dos direitos humanos, assim como o fiz no começo do ano, já que presido esta comissão permanente. Também já estou elaborando um conjunto de proposições que visem melhorar a qualidade de vida do povo do Pará. Sigamos em frente, a batalha continua!




Comentários