Blog do Beto Faro: Haddad sai aplaudido. Ele sinaliza redução da tarifa em SP


O prefeito Fernando Haddad saiu aplaudido da reunião com mais de 100 representantes de organizações sociais. Como prometido, ele abriu a caixa preta do custo dos transportes públicos.

E, além de botar os empresários na roda e recolocar o problema no seu espaço político, Haddad, desta vez, foi mais longe. Atribuiu aos donos de carros responsabilidade de financiar o transporte público. Agora, vamos ver o Movimento Passe Livre botar 80 mil pessoas nas ruas e a Globo com o senador Álvaro Dias saudarem a democracia...

Saiu no UOL:

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, se comprometeu nesta terça-feira (18) a examinar a planilha de custos de transporte do município para “refletir no que eu poderia cortar de serviços para viabilizar a redução da tarifa”. Ele, no entanto, não revogou o aumento durante a reunião do Conselho da Cidade, que foi praticamente unânime ao pedir a suspensão do novo valor de R$ 3,20.

“Temos caminho para a redução, mas isso passa pela desoneração dos tributos federais e estaduais que incidem sobre o transporte público, como por exemplo o ICMS sobre o diesel, que já seria responsável por R$ 0,07 dos R$ 0,20 do aumento”, disse.

“Como cidadão, acho que quem deveria financiar o transporte público é o transporte individual. Além de melhorar a mobilidade, incentivando quem tem carro a usar o transporte público, já que a gasolina seria mais cara e as tarifas mais baratas, ainda existem os benefícios ecológicos do processo”, disse Haddad sobre a proposta.
(FONTE: Site Conversa Afiada)

Comentários