O S de Segurança em Belém é um deboche e uma tragédia: população está abandonada na capital e em todo o Pará!

Quem ouviu rádio, viu tevê, entrou na internet ou leu os jornais impressos em Belém hoje, constata que o "s" de Segurança na campanha do Zenaldo é um deboche com a população de Belém, da Região Metropolitana de Belém e todo o Pará. Porque é jutamente na área de segurança que reside um dos maiores fracassos do PSDB de Jatene, de Zenaldo. E a barbárie está instalada em Belém e no Pará!

A insegurança é total na Grande Belém: oito pessoas morrem durante a madrugada de domingo para segunda na Região Metropolitana de Belém. Mulher morre a pauladas. Jovem executado no meio da rua.

Como disse em meu twitter, a ausência do Estado transforma municípios em "barris de pólvora", com a população lançando mão das próprias leis para se defender! E não há uma estratégia, um plano para cuidar da segurança da população. Com esse retumbante fracasso, como o PSDB quer governar Belém?

O ProPaz, que é o Programa Social no ideário tucano, na verdade se mostra como compensações cirúrgicas aos efeitos do neoliberalismo. E até o propalado sucesso do ProPaz é mínimo: em dois anos, apenas 2 mil beneficiados.


Para saber mais de como a insegurança é geral e como a população está abandonada, clique no linque leia o que diz a competente jornalista Ana Célia Pinheiro em seu blog Perereca da Vizinha:

O Pará que Jatene faz: Conselho Penitenciário pede medidas urgentes contra caos na penitenciária feminina de Americano. Há infiltrações, esgoto a céu aberto, lixo por todo lado e proliferação de ratos e insetos. Cela onde cabem 40, abriga 88. Vinte grávidas não têm assistência adequada e algumas até dormem no chão. Comida foi reduzida em 24% e falta até modess.


É para colocar Belém no rumo certo, que Lula pede à população de Belém que neste segundo turno vote em Edmilson 50.

  

Comentários

Anônimo disse…
Deputado, esse mutirão não pode ser enquadrado como crime elitoral??

"Cohab realiza mutirão do programa Cheque Moradia
22/10/2012

Cinco equipes de técnicos da Cohab realizaram mais um mutirão de visitas às famílias que solicitaram o benefício do Programa Cheque Moradia. As visitas técnicas foram realizadas nos bairros da Marambaia, Cabanagem, Condor, Jurunas e Pedreira, no último sábado (20).

De acordo com Nágela Noronha, coordenadora do programa, a visitação está se realizando duas vezes por semana para dar conta do grande número de processos solicitando o benefício. "O mutirão é a alternativa que encontramos para dar conta dessa demanda. Essas visitas servem para avaliar o tipo de serviço que deverá ser feito nas moradias das famílias solicitantes", declarou.

O Cheque Moradia é um programa de transferência direta de renda, que contribuiu também para movimentar a economia do Estado, com o aquecimento das vendas no segmento de materiais de construção, e possibilita a criação de novos empregos no setor da construção civil.

A Cohab espera que, com a realização dos mutirões, nos quais os servidores de outros setores da companhia se disponibilizam para as vistorias, seja possível agilizar a emissão dos Cheques Moradias para famílias carentes. Para obter a concessão do Cheque Moradia é necessário obedecer critérios como: ter renda mensal até três salários mínimos e o crédito só pode ser usado na compra de materiais de construção para reforma, ampliação e construção de casa própria. A mão de obra fica por conta do beneficiado. (DOL, com informações da Cohab)"