Galerias lotadas e emenda rejeitada

Foi constrangedor para a Assembleia Legislativa negar esta PEC para o estado do Pará. Volto para minha casa triste. Alguns deputados viraram as costas para esta causa. Quer dizer que para o deputado Parsifal Pontes (PMDB) uma justificativa vale e para outras não? Há alguns meses foi aprovado projeto que autoriza a criação de municípios, proposta que também está em debate no Congresso Nacional. Ou seja, para esta causa havia inconstitucionalidade? Que coerência é esta do parlamentar. A verdade é que certos votos escondem interesses que não podem ser manifestados aqui.

Uma pena que 13 deputados opinaram pela negação. São eles: Ana Cunha (PSDB), Celso Sabino (PR), Cilene Couto (PSDB), Eduardo Costa (PTB), Fernando Coimbra (PDT), Hilton Aguiar (PSC), Josefina Carmo (PMDB), Martinho Carmona (PMDB), Nilma Lima (PMDB), Ozório Juvenil (PMDB), Parsifal Pontes (PMDB), Pastor Divino (PRB) e Raimundo Santos (PR).

Os 12 deputados que foram favoráveis e que pretendem acabar com esta chaga que envergonha o Pará são: Airton Faleiro (PT), Bernadete Ten Caten (PT), Carlos Bordalo (PT), Cassio Andrade (PSB), Chico da Pesca (PT), Edilson Moura (PT), Edmilson Rodrigues (PSOL), Eliel Faustino (PR), Gabriel Guerreiro (PV), João Salame (PPS), Milton Zimmer (PT) e Zé Maria (PT).

Minha luta em favor de erradicar este problema não vai parar por aqui, pois tenho projeto parecido. Aproveito para agradecer a deputada Bernadete Ten Caten por fazer este debate e os agricultores familiares, em especial a Fetagri. Para a deputada Bernadete o episódio da rejeição da emenda foi “lamentável”. “Esta casa acaba de perder uma grande oportunidade, de aprovar um posicionamento político imensurável”, completou Ten Caten.

Comentários

Anônimo disse…
essa é a hora de usarmos da força que o povo tem. INDO AO EMBATE.