Eles negaram. Já nós, aprovamos para o bem do Pará

Diferente do que aconteceu em 2010, quando a oposição ao Governo Ana Júlia negou a aprovação do projeto de Lei 09/2010 que autoriza o Governo do Pará a contratar operação de crédito junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), no valor aproximado de R$171 milhões, nós da bancada do PT não emperramos por mais um ano este avanço para o nosso estado. Aprovamos o empréstimo ontem, 29.03, após apresentação de emenda modificativa proposta pela própria bancada.

O recurso vai alcançar obras de saneamento e habitação do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), denominado de Propac saneamento do Pará. Os valores corrigidos na emenda, originalmente, eram de aproximadamente R$194 milhões, mas foram retirados valores de obras que não teriam condições de conclusão e tornou integrante do projeto o anexo, que contém a planilha de utilização destes recursos. Pedimos a sua inclusão porque queremos fiscalizar o uso dos recursos e efetiva realização das obras.

Ao todo, o projeto prevê a contratação de 93 obras, através de convênios, sendo 21 deles a cargo da Cosanpa (Companhia de Saneamento do Pará), 26 da Cohab (Companhia de Habitação do Pará) e outras 46 pela Sedurb (Secretaria Estadual de Desenvolvimento Urbano).

Vamos deixar claro à população paraense que a demora do parlamento em aprovar o projeto foi uma demonstração dos opositores ao Governo Ana Júlia em tentar prejudicá-la. Ano passado a população de Belém foi a mais afetada, e somente agora será beneficiada com as obras.

Comentários

Anônimo disse…
O PT sabe ser situação - governando bem, com competência e pros pobres - e ser situação, com responsabilidade, propostas e firmeza.